Páginas

domingo, 7 de junho de 2015

Metafísica !

 
         É a totalidade do Ser, até o último horizonte de compreensão das coisas. É a ciência que estuda o Ser das coisas. Forma a verdade como conteúdo, o princípio unificador do Kósmos, que ordena e estabelece o Ser das coisas, produz a ordem. É a verdade como forma, onde surge o logos, o pensamento do Ser, que promove a sophía, o amor, a procura da verdade que está na luz do Ser, e estabelece a episteme, a ciência do Ser. Que através da alétheia, o desvelamento da verdade, da realidade. Pelos princípios filosóficos, a unidade de todas as coisas, daquilo que são constituídos, a partir do que originariamente derivam e em que resolvem em última análise, sobre o que estão e subsistem todas as coisas.
 
 
         O aparecer e o pensamento no Ser ocorrem a partir da existência de alguma coisa, aparece alguma coisa. O pensamento é a manifestação do Ser e o Ser é o que se manifesta na manifestação do pensamento. Aquilo cujo o ato é Ser, é ato total, integral do que é. Aquilo a quem compete o Ser ou, ainda, aquilo cujo ato é Ser. O juízo intuitivo e expressivo do Ser é a verdade do Ser, e o lugar verdadeiro é próprio, no qual se manifesta a verdade do Ser, é o juízo intuitivo e expressivo. O Ser é o manifesto em si e por si, e a sua manifestação é o juízo, o Ser é. Ser e determinação é toda explicação, ou explicitação, é determinação do Ser, ou o Ser numa sua determinação. Explicar ou explicitar é mostrar que o que é explicado ou explicitado está implicado e implícito no Ser e na sua manifestação. Ser e participação é a essência metafísica do ente, a partir do Ser. O ente é inteiramente o participante do Ser.

“O Mundo Real e as coisas são apenas reflexo
de uma realidade perfeita contida no
Mundo das Ideias !
(Platão)
 
 
Postar um comentário